Em cima da hora:
População detém suspeito de roubar menor no Centro de São Carlos, SP
-
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • Feeds
  • Ouvir música melhora seu desempenho na corrida, saiba mais!

    A música pode ser um incentivo a mais para os treinos de quem sonha em participar desses eventos.


    A prática da corrida no dia-a-dia raramente não é acompanhada de um fiel escudeiro: os fones de ouvido. Com uma boa música os treinos tendem a ser mais agradáveis. Por isso, as músicas são importante para quem gosta de manter a forma com a prática da corrida. Mas engana-se quem pensa que esse esporte não é coisa séria.

     

     

    Além das milhões de pessoas que todos os dias reservam um tempo especial para correr, os eventos dedicados à prática ao redor do mundo só crescem. Maratonas tradicionais, como as de Boston, Londres e Paris, recebem milhares de corredores estrangeiros todos os anos e são verdadeiras festas em seus países, contando com o prestígio de grande público em todas as edições. E o desempenho dos atletas tem sido cada vez melhor: de acordo com a publicação Running Statistcs, nos Estados Unidos, uma das referências no esporte, houve aumento de 40% no número de competidores que finalizam as maratonas em relação à década passada. E a música pode ser um incentivo a mais para os treinos de quem sonha em participar desses eventos.

     

    Aulus Sellmer – personal trainer, especialista em qualidade de vida e apresentador do programa Treino Eldorado, da rádio Eldorado –, em publicação no site Webrun, menciona estudos que defendem a música como “anestésico”, reduzindo a percepção da intensidade do exercício em 10%. Para João Gabriel Aguiar, personal trainer da academia Fórmula, localizada no Shopping Iguatemi de Sorocaba (SP), a música é excelente para a prática da corrida. “Pode servir como estímulo aos batimentos cardíacos, e com a frequência cardíaca aumentada o corpo fica mais preparado para correr”. Segundo ele, os estilos que mais se enquadram nesse quesito são o rock e o eletrônico. “Eu mesmo levo o som às minhas aulas, mas, no final, a música indicada depende do gosto do esportista.”

     

    Fonte: terra.com.br



Os comentários e textos não representam a opinião do portal; a responsabilidade pelo blog é do autor da mensagem.
Folha do Estado da Bahia
Desenvolvido por Tacitus Tecnologia